terça-feira, 1 de novembro de 2011

2º Capitulo

Zachary : eu não dava nem um tostão por elas, assim que aparecesse alguém a pagar-lhes elas contariam tudo! por favor tu és a única pessoa que me pode tirar deste sufoco, a única que pode salvar a empresa, se não o fizeres por mim fá-lo por ti, com a Karina no comando a empresa não aguentaria nem um mês, o teu trabalho ia pelos ares, pensa nisso, pensa em tudo o que eu te poderia dar se te casasses comigo, o teu mundo iria abrir-se, irias ter tudo aquilo que quisesses sem ser preciso sequer dizeres um ai! pensa nisso pensa no quanto iria ser bom prós dois eu assegurava a empresa e tu o teu trabalho e quem sabe uma promoção! pensa nisso por favor! eu pago-te encara isto como um trabalho todos os meses eu deposito dinheiro na tua conta, eu sei que tu ainda não pagas-te os teus estudos e que tens casa e carro para pagar! eu garantia o resto da tua vida sem passares dificuldades! não seria para sempre apenas por um tempo para eles acreditarem que é verdade após algum tempo de nos casar-mos pedimos o divorcio! simples! -Mil coisas passaram pela cabeça de Vanessa, entrar numa Igreja para casar com um homem que mal conhecia, usar uma aliança e fingir que ama alguém. Apresenta-lo para a sua família que o odeia, viver na mesma casa que ele e por fim, ganhar dinheiro e ter a sua vida assegurada para sempre, sem falar na sua carreira profissional que concerteza iria dar um pulo assim que se casasse com Zachary. O último pensamento ficou a bater na sua cabeça muito forte. “Não é pra sempre e depois eu vou ter minha carreira no topo para sempre” Pensava Vanessa para si mesma enquanto aqueles dois homens olhavam para ela com esperanças. “O que eu vou fazer meus Deus, por favor nao me castigue, eu so estou a fazer o que acho melhor"-
Vanessa : tudo bem eu aceito! -Richard e Zachary sorriram de felicidade e apertaram as mãos- mas tem uma coisa!
Zachary : Não te preocupes! Tudo o que tu quiseres eu dou-te! Roupa, carros, sapatos, dinheiro, emprego, tudo! -Zachary estava super entusiasmo pela sensação de vitória, sabia que o seu pai  estava a fazer isto pelo facto de o ter desafiado quando quis seguir a carreira de actor, para o seu pai isso nao era um trabalho de homem, então a partir do primeiro filme de Zachary se a relação dele com o pai  nao era boa, agora estava mais que péssima, o seu pai sempre tentava de tudo para o prejudicar, porem nunca conseguia e nao era desta vez que o ia fazer-
Vanessa : Não é isso! Isso a mim pouco me interessa, eu estou a fazer isto pela impresa nao por aquilo que tu me podes dar, isso para mim nao é nada! Este casamento é um negócio, um trabalho. Então vamos estabelecer limites, sim? -Ela fez uma pausa- Quartos separados, vidas separadas. Tu no teu canto e eu no meu, entendes?!
Zachary : claro que sim, estou totalmente de acordo tu no teu canto e eu no meu, nao podia ser melhor! -disse Zachary ainda contente pela sensação de victoria-
Richard : meninos isso nao é bem assim vocês têm de convencer toda a gente que esse casamento é asserio e nao um acordo, ninguém pode saber da origem deste casamento, nem mesmo a tua mãe Zac, ela tem de pensar que vocês estão realmente apaixonados! Agora uma coisa -ele fez uma pausa- Vanessa tu tiveste ou tens alguma relação com alguém?
Vanessa : tinha mas acabou assim que eu comecei a trabalhar na empresa, digamos que ele nao era muito a favor de eu trabalhar com o Zachary! vai se la saber porquê!! -disse Vanessa irónica- nem ele nem a minha família era a favor então eu estou de relações cortadas com eles desde que comecei a trabalhar com o Zachary o quer dizer que  nao falo com eles á cerca de 2 anos e tal, apenas falo com a minha mãe que sempre me apoiou e ajudou nada mais!
Richard : isso tanto pode ser bom como pode ser mau! isso da a entender que os teus pais nao gostam do Zac por isso nao vão estar de acordo com o casamento!
Vanessa : isso pouco me importa a única opinião que me importa é a da minha mãe e ela vai apoiar-me em tudo eu tenho a certeza, agora a bênção do meu pai esqueçam ele nao da!
Zachary : isso pode realmente ser um problema nos nao sabemos aquilo que o concelho vai pensar acerca disso, tanto pode pensar bem pelo facto que tu nao quereres saber da opinião dos outros como pode pensar que tu nao es dedicada á família!
Vanessa : isso é um problema fácil de resolver basta contar exactamente tudo o que me levou a cortar relações com a minha família!
Zachary : bom pelo sim pelo nao conta-nos melhor essa historia!
Vanessa : bom quando eu lhes disse que tinha feito uma entrevista na Efron eles nao gostaram muito mas também nao me disseram nada, eles nunca pensaram que eu fosse escolhida foi então que me ligaram a dizer que o lugar era meu, claro que eu corri para contar aos meus pais, eles mais uma vez emborraram a cara mas nada disseram, agora quando eu lhes disse que ia ser a tua secretaria o meu namorado que se chamava Charlie e o meu pai quase que tinham um enfarte disseram logo que nao aceitavam e esse tipo de coisas, eu sempre lhes disse que nao ia deixar escapar a oportunidade de uma vida por causa de uns ciumes estúpidos do meu namorado e por causa de uma panca do meu pai em querer ver-me casada com o Charlie, foi então que o Charlie me encostou á parede, ou eu recusava o trabalho ou ele acabava comigo, eu nem pensei duas vezes acabei logo com ele, ele ficou furioso e o meu pai também, o Charlie era como um filho para ele, para ser sincera foi o meu pai que me atirou para cima dele, eu nao me admirava nada se o Charlie ainda continuasse a viver na casa dos meus pais! mas bom isso nao interessa, como eu disse eles nao aceitaram e eu vi-me obrigada a sair de casa para conseguir trabalhar em paz mas quando eu o ia a fazer o meu pai disse que se eu saísse por aquela porta deixava de ser filha dele, claro que me custou ouvir uma coisa dessas mas eu já tinha 21 anos tinha uma vida inteira pela frente e tinha um trabalho que me garantia estabilidade pro resto da vida, foi então que eu sai de casa e a partir dai nunca mais falei com o meu pai com o Charlie e com a minha irmã, eu só falo com a minha mãe, é só com ela que eu mantenho contacto, com os outros nem noticias deles sei! -disse Vanessa ao olhar pro nada, Zachary conseguiu perceber que aquela historia ainda mexia com Vanessa e isso seria concerteza um problema, a qualquer momento iria ter de conhecer a família dela e nao iria correr bem, algo lhe dizia que ia ter grandes problemas com o seu futuro sogro e com o tal Charlie-
Richard : tu achas que o teu pai seria capaz de fazer algo que te prejudicasse por causa do casamento?! -perguntou Richard com medo da resposta-
Vanessa : o meu pai penso que nao, ele nao vai aceitar e nao vai gostar do Zachary disso eu tenho a certeza mas quanto ao Charlie eu nao sei, ele sempre foi possessivo, nao sei como ele vai reagir! -parece que Zachary tinha razão, ele ia mesmo ter problemas com o tal Charlie mas nao estava em ai, ia lutar pela sua suposta "noiva" custe o que custasse-
Zachary : eu acho que ainda consigo lidar com isso, afinal sou actor por alguma razão! Se tiver de fazer uma cena de ciumes assim farei sem medos nem esperas, será na hora! -disse Zachary a olhar especificamente para Vanessa que percebeu que ia ter muito que andar, Zachary nao era fácil, concerteza iriam discutir muito-
Vanessa : então que bom para ti que na faculdade eu fiz um curso de representação! So me vai ajudar e eu vou usa-lo sempre que necessário e o necessário indica sempre que alguém ponha em causa o peso que eu carrego na minha linda cabecinha! -ela fez uma pausa- espero que tenhas entendido!
Zachary : como nao entender?! com uma noiva tão directa ate um anormal entendia! -disse Zachary irónico  aquela Vanessa com quem trabalhava tinha acabado de ir embora, onde estava a timidez, a inocência?! nao tinha ido embora ainda estava la mas só era usada quando era necessário e neste momento nao era o caso, iriam discutir muito, Zachary tinha a certeza-
Richard : bom já percebi que se vão dar bem! -disse Richard ao perceber que aquilo iria pegar fogo mas tinha a certeza que Vanessa era a mulher certa para fazer aquele papel, se eles iriam discutir, Richard tinha a certeza que sim mas também tinha a certeza que iria nascer ali uma grande amizade e cumplicidade, afinal eles ainda iriam ficar algum tempo juntos e iriam ter de fingir bem, a Karina nao era parva e o pai de Zachary ainda menos!- bom para começar acho melhor tu parares de lhe chamar Zachary todos que o conhecem sabem que ele odeia que lhe chamem pelo nome todo, por isso por favor nao o faças á frente das outras pessoas! e quanto a ti (Zac) vê se paras de a picar porque ela vai responder-te sempre!
Zachary : se nao me picarem a mim eu nao pico ninguém! -disse Zac a olhar especificamente para Vanessa
Vanessa : faço minhas as tuas palavras baby! -disse Vanessa irónica- mas caso vocês nao tenham percebido nos temos um grande problema!
Richard : problema?! -perguntou Richard sem perceber assim como Zac-
Vanessa : sim, a Rosa sabe que eu e o Zac nao temos nada um com o outro! como vamos fazer com ela?!
Zachary : a Rosa nao é um problema, ela é uma segunda mãe para mim se eu lhe contar tudo bem contado ela entra nisto connosco, ela nao é um problema!
Richard : sendo assim eu vou indo, vou informar na empresa que Zac Efron ira em breve casar! tenham cuidado com a empresa que já deve saber de tudo o que se passa e acima de tudo tenham cuidado com o senhor Efron (pai do Zac) e com a Karina, nao se esqueçam que eles querem mais do que ninguém que tu nao fiques no comando da empresa! Vanessa tem cuidado com a Karina ela sabe manipular as pessoas!
Vanessa : nao te preocupes comigo eu ca me arranjo!
Richard : assim eu espero, agora que eu vou embora façam o favor de combinarem onde se conheceram como se apaixonaram esse tipo de coisas que todas as mães gostam de saber!
Zachary : nao te preocupes vai correr tudo bem! -disse Zac ao acompanhar Richard á porta enquanto Vanessa falava com Rosa sobre tudo o que se passava-  obrigado por tudo, se nao fosses tu só sabia disto amanha!
Richard : sem problemas, sabes que podes contar sempre comigo! agora vê la o que fazes, nada de andar metido com outras enquanto tens de fingir que andas com a Vanessa, ela nao é de se ficar e ainda te põe a tua rica testa mais enfeitada que aquilo que tu pensas!
Zachary : com mulheres lido eu bem, ela nao vai ser diferente é só uma questão de tempo ate ela ficar mansinha! -disse Zac todo cheio de si-
Richard : fia-te na virgem e nao corras! nao penses que ela se vai submeter a ti como as outras, mais facilmente ela te põe a ti mansinho!
Zachary : isso queria ela!
Richard : e tu também!quem diria que a Vanessa que estava na empresa é esta que esta aqui em casa! sem duvida uma agradável surpresa! -disse Richard com um sorriso malicioso na cara-
Zachary : eu também nunca pensei que aquela coisinha que estava la na empresa fosse este mulherão mas ainda bem que o é! -disse Zac com um sorriso ainda mais malicioso na cara-
Richard : bom vê la nas que te metes! se precisarem de alguma coisa liga que eu venho a correr! encontramo-nos amanha na empresa?
Zachary : concerteza!
Richard : sendo assim ate amanha!
Zachary : ate! -disse Zac fechando a porta indo novamente para o escritório onde Vanessa o esperava na mesma cadeira de antes- então já falas-te com o Rosa?
Vanessa : sim, ela disse que nao gostava de mentiras mas que como era por uma boa causa disse para nao ficarmos preocupados ela nao ira fazer nada para nos prejudicar, muito pelo contrario, ela disse que nos vai ajudar dizendo que já sabia da relação e que já me viu vir aqui muitas vezes quando a tua mãe saia e esse tipo de  coisas!
Zachary : óptimo, eu sabia que podíamos contar com ela, ela nunca nos deixaria na mão!
Vanessa : bom vamos maze falar do que é importante, temos urgentemente de combinar o que vamos dizer quando nos perguntarem onde nos conhecemos e esse tipo de coisas!
Zachary : onde nos conhecemos é fácil dizemos que foi na empresa!
Vanessa : sim ate ai eu já tinha chegado, agora nao vamos é poder dizer que nos aproximamos na empresa todos sabem que é mentira!
Zachary : dizemos que nos aproximamos fora do trabalho!
Vanessa : com que contexto?! Zac mas pessoas nao são burras e muito menos o concelho eles nao vai cair numa historia mal contada!
Zachary : tens razão mas eu nao sei o que inventar! nos nem amigos em comum temos!
Vanessa : pois nada mas nada impede que digamos o contrario! -disse Vanessa sorrir ao lembrar-se de alguma coisa-
Zachary : como assim? -perguntou Zac sem perceber o sorriso de Vanessa-
Vanessa : tens algum amigo em quem possas confiar ao ponto de lhe contares tudo o que se passa e ate quem sabe eles nos ajudar?
Zachary : sim tenho o Taylor ele é como um irmão para mim! -disse Zac ainda sem perceber-
Vanessa : óptimo quando nos perguntarem como nos aproximamos nos vamos dizer que foi graças á minha amiga Ashley, eu depois apresento-te, foi ela quem me indicou a entrevista de emprego para ca, tu podes dizer que tu e ela eram amigos e que foi graças a ela que nos aproximamos!
Zachary : é realmente uma boa ideia!
Vanessa : podemos dizer que foi um dia fora do trabalho que eu estava a almoçar com ela e que tu passaste por nos e ela te chamou, eu claro fiquei desconfortável por estar na mesma mesa que o meu patrão fora do meu local de trabalho, mas bom tu sentaste-te la connosco começamos a conversar, aproximarmos-nos, a sair juntos e quando demos por nos já estávamos perdidamente apaixonados um pelo outro! O Taylor entra nesta historia para dizer também que viu toda esta aproximação esse tipo de coisas, como ele é como um irmão para ti era estranho nao saber de nada!
Zachary : acho perfeito, mas e essa Ashley é de confiança? -perguntou Zac na duvida-
Vanessa : claro que sim! -disse Vanessa prontamente- é a minha melhor amiga desde que me lembro, totalmente de confiança!
Zachary : óptimo então ficamos assim combinados! quanto á questão de como eu te pedi em namoro eu acho que tu consegues inventar alguma coisas extremamente romântica na altura!
Vanessa : nem será preciso, eu já sei o que dizer, tu pediste-me em namoro na praia, a noite, nao hã nada mais romântico que um pedido na praia! todas as mulheres sonham com isso!
Zachary : parece-me bem! bom amanha na empresa temos de admitir o nosso suposto relacionamento por isso é deixar a Vanessa tímida de lado e deixar esta Vanessa que esta aqui agora entrar em cena! -disse Zac num tom de gozo-
Vanessa : nao te preocupes a minha atitude agora vai mudar radicalmente, a Vanessa calminha saiu de cena ninguém iria acreditar que tu andavas com uma menina certinha, coisa que eu nunca fui, apenas gostava de fazer bem o meu trabalho! -disse Vanessa a defender-se-
Zachary : eu falo na Vanessa certinha de aparência, eu nunca percebi o porquê dos óculos!! tu nao precisas deles e quanto as roupas nao te atrevas a vestir o que vestia a partir de hoje! -disse Zac serio-
Vanessa : qual é o problema das minhas roupas?! -perguntou Vanessa ofendida-
Zachary : nenhum expecto serem do século passado! tens de soltar-te mais querida! -disse Zac irónico ao pronunciar a parte do "querida"-
Vanessa : se tu com o soltar-te mais queres dizer andar com aquelas roupas coladas ao corpo e aqueles decotes que se uma pessoa de mexe sai tudo do sitio bem que podes tirar o cavalinho da chuva que isso eu nao uso meu querido! -disse Vanessa também irónica na parte do "querido"-
Zachary : nem eu queria que usasses, eu nao querem que todos andem a ver e a babar com aquilo que supostamente é meu e só eu posso ver!
Vanessa : ainda bem que estamos de acordo que eu também nao quero ver tudo quanto é mulherada a babar por aquilo que supostamente é meu e só eu posso usar! -disse Vanessa sem rodeios e indo directamente ao ponto-
Rosa : isso é um bocado ao pro impossível Vanessa! -disse Rosa ao entrar pelo escritório- sempre que este menino passa ouve-se suspiros no ar, nao se pode controlar essas coisas apenas acontecem!
Vanessa : eu sei só estou a deixar bem claro que nao tenciono fazer papel de parva!
Zachary : nem o farás mabele! (nao sei como se escreve, espero que esteja bem)
Vanessa : assim eu espero! bom eu vou indo já nao tenho mais nada a fazer aqui, encontramo-nos amanha na empresa! se acontecer alguma coisa ligas-me de imediato!
Zachary : nem precisas dizer!
Vanessa : onde esta mesmo o carro?!
Rosa : o Zac vai contigo ate la abaixo, é bom que os vizinhos sintam que vocês têm uma certa intimidade!
Zachary : como queiras minhas querida Rosa! -disse Zac a dar um beijo na bochecha da senhora-
Vanessa : obrigado por tudo Rosa e desculpa se dei trabalho!
Rosa : nao deste trabalho nenhum e espero encontrar-te mais vezes!
Vanessa : concerteza que ainda nos iremos ver muitas vezes!
Rosa : assim eu espero!
Zachary : eu vou leva-la la a baixo de depois volto para cima, tenho muito que conversar com o minha mãe e tenho de me preparar!
Rosa : tem mesmo a sua mãe é esperta!
Vanessa : bom Rosa mais uma vez obrigado por tudo! -ao saírem da casa de Zac, mil e um fotógrafos esperavam pela suposta namorada de Zachary Efron. Com a ajuda de paparazzis seus amigos, Karina já tinha divulgado sobre o suposto casamento de Zac, fazendo com que um tumulto de gente se aglomerace por fora do condomínio privado que Zac murava e que á poucas horas atras era calmo- o que é isto?! -Vanessa perguntou horrorizada-
Zachary : Parece que a minha querida maninha Karina ja divulgou a história -disse Zac com raiva-
Vanessa : Como eu saio daqui sem ninguém me ver?!
Zachary : É impossível, então, começa a atuar Vanessa, eu vou levar-te ao carro e depois vou ate á portaria dizer para os afastarem para tu saíres! -assim fizeram, com muitos flashes em cima deles Zac deu o seu casaco a Vanessa que prontamente entrou no jogo vestindo-o e seguindo de mãos dadas ate ao carro, para os fotógrafos que sempre acompanhavam Zachary foi uma cena chocante vê-lo de mãos dadas com uma certa morena muito linda e até então desconhecida. Os flashes só aumentaram ele abriu a porta do carro pra ela e logo depois fechou-a indo ate á portaria pedindo ao porteiro para que este abrisse o portao ara que Vanessa saisse que claro tirasse ou pelos menos afastasse os fotografos de la, assim ele fez abriu o portão e logo um amontoado de fotógrafos começou a fazer perguntou indiscretas, sem ligar a nenhum deles Zac esperava que Vanessa passasse por ele de carro e que saísse dali, assim ela o fez o quando estava a passar por Zac mandou um xau seguido de um sorriso apaixonado retribuído por Zac, quem visse acreditava mesmo que eles estavam apaixonados, o porteiro ficou em choque, mal eles sabiam tudo o que se passava, assim que Vanessa saiu do alcance de vista de Zac este voltou para casa onde Rosa lhe perguntou que confusão era aquela, Zac respondeu a tudo e depois foi tomar um banho, a noite iria ser longa, telefonemas de revistas, jornais e acima de tudo ter de contar a historia a sua mãe a quem ele nao gostava de mentir mas tinha de ser.

Por hoje é tudo, espero que gostem e muito obrigado pelos comentários são uns amores! Esperem pelo proximo capitulo, algumas pessoas nao voa gostar nada deste suposto casamento! Fiquem atentas, BEIJOS e comentem MUITO! :)

5 comentários:

loirinha_15-95 disse...

Aaaaaaaaaaaaaaaaaah amei o capitulo !!!
Está incrivelmente lindo e perfeito , estou anciosa pelo proximo , posta rapido beijão

Margarida Oliveira disse...

Ai estes dois vai ser complicado, vamos ver como vai ser um dia a dia por contrato; Cap.muito bom

• Paula disse...

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
Caraca tô AMANDO essa fic!
A história está perfeita!
Tô muito curiosa!
Posta urgentemente!
Bjos amorê

thaina266 disse...

tbm to amando , beijos
posta logooo!

♥Laís♥ disse...

Cap muito bom !
Posta Logo
Bjos ;*